BLOG

04 TIPOS DE PISO AMADEIRADOS

PARA VALORIZAR O SEU AMBIENTE

Você já olhou aquele piso de madeira e se perguntou se era realmente de madeira natural? Acontece que com a tecnologia atual podemos encontrar vários revestimentos de piso amadeirado, sem ser 100% natural.

Mas independente se estamos utilizando a madeira natural, ou não, sua estética na decoração irá trazer sofisticação e aconchego.

Se você se interessa em ter um piso amadeirado e valorizar seu espaço você pode levar em consideração 4 opções:

  • Piso de Madeira Natural;
  • Carpete de Madeira;
  • Piso Laminado;
  • Piso Vinílico;

MADEIRA NATURAL

O piso de madeira tem formato de tábuas e para finalizar sua instalação é aplicado uma camada protetora de verniz, que periodicamente deve ser reaplicado. Esse piso tem uma durabilidade alta, portanto seu período entre as manutenções podem ser mais longas, porém fique atento, pois o local de instalação do piso pode interferir no tempo da manutenção periódica, tendo em vista que o clima pode influenciar na durabilidade.

O piso de madeira natural é considerado um material nobre e pode ser usado tanto na área interna quanto em área externa, e podemos encontrar a produção em espécies diferentes, como por exemplo, cumaru, tauari, carvalho, peroba, ipê e amêndoa.

Vantagens:

  • Durabilidade alta;
  • Variedade de Cores;
  • Conforto térmico: agradável ao toque;

Desvantagens:

  • Cuidado com a origem da madeira, pois corre o risco de ter cupins;
  • Preço elevado;
  • Sensível a arranhões, golpes e umidade;
  • Tempo de instalação;

CARPETE DE MADEIRA

O carpete de madeira também é produzido com madeira natural, porém em formato de uma folha fina, que é colada e prensada em uma base de madeira processada, em formato de régua, fazendo com que tenha uma espessura menor do que o piso de madeira natural. Comparado com a madeira natural ele tem uma durabilidade menor.

O carpete de madeira não é resistente à água, porém pode ser limpo com pano úmido, porém tome cuidado para tirar todo excesso de água do pano para não danificar o piso, para limpeza mais leve pode ser usado vassoura de cerdas macias, cerdas de pelo ou aspirador de pó.

O piso em carpete de madeira é bastante sensível e suscetível a riscos, portanto uma boa dica é usar tapetes abaixo dos mobiliários e protetores autocolante nos pés dos móveis, além disso evite arrastar os móveis.

Vantagens:

  • Baixo Preço;
  • Variedade de Cores;
  • Conforto térmico;
  • Instalação rápida;
  • Praticidade;

Desvantagens:

  • Não resiste a água;
  • Baixa resistência;
  • Ruído oco;
  • Sensível a riscos;

PISO LAMINADO

O piso laminado possui uma composição de fibra de madeira com alta densidade, papel e melamina. Além dos modelos para ambiente de tráfego leve (ambientes residenciais), também existe para alto tráfego (lojas, shoppings, academias), a contra indicação é não usar em áreas externas ou que molham facilmente, tendo em vista que esse piso não possui resistência à água. Possui um formato de lâmina que pode ter tamanho variado dependendo do fabricante.

O piso laminado é instalado em cima de uma manta através de um sistema de encaixe, com uma peça clicada na outra. É uma ótima opção para quem mora de aluguel e deseja reformar um ambiente sem fazer uma grande reforma, além disso ele pode ser retirado e instalado em outro local.

Vantagens:

  • Conforto térmico;
  • Instalação rápida;
  • Variedade de Cores;
  • Baixa manutenção;
  • Durabilidade alta;
  • Sustentável

Desvantagens:

  • Duro ao pisar;
  • Não pode ser lavado;
  • Ruído alto ao pisar;

PISO VINÍLICO

O piso vinílico é um revestimento sintético feito por PVC, cargas minerais, plastificantes, pigmentos e aditivos, tornando-se um material mais flexível. Pode ser encontrado no mercado em formato de réguas, mantas ou placas.

Pode ser instalado em cima do contrapiso, cimento queimado ou em cima de um outro piso já instalado, como cerâmica ou porcelanato. A recomendação é que a superfície que será instalado o piso vinílico esteja totalmente limpa e com a superfície nivelada, no caso da superfície em cerâmica ou porcelanato, será necessário passar uma massa niveladora para o rejunte não marcar o piso vinílico.

Existem duas formas de instalação do piso vinílico: colado ou clicado.

Piso Vinílico Colado

O piso vinílico colado é fixado com uma cola, é fácil e rápido de cortar e instalar. Ele pode ser lavado com água, porém é importante não deixá-lo submerso em um período muito longo, pois essa ação pode fazer com que as peças descolem.

Piso Vinílico Clicado

No caso dos pisos vinílicos clicados, ele é instalado através de um sistema de encaixe, portanto não há necessidade de cola. Assim como o piso laminado, o piso vinílico clicado é ótima opção para quem mora de aluguel, e pode ser retirado e instalado em outro local. Ao contrário do vinílico colado, o piso vinílico clicado não pode ser lavado, mas pode usar um pano úmido.

Vantagens:

  • Pisada Confortável;
  • Conforto térmico;
  • Instalação rápida;
  • Baixa manutenção;
  • Durabilidade alta;
  • Antialérgico;

Desvantagens:

  • Pode desbotar em contato frequente com o sol;
  • Pode descolar com contato direto com a água;
  • Se a base não tiver nivelado pode deformar ou quebrar o piso;
  • Uma curiosidade sobre os pisos vinílicos é que além da estampa amadeirada você pode encontrar no mercado pisos vinílicos com cores únicas, marmorizados e estampas geométricas.

Para mais dicas e conteúdos, acesse também nosso instagram: @anneprado.interiordesign

Siga-nos

Últimos artigos.

Inscreva-se em nossa Newsletter

15 + 7 =

LEIA TAMBÉM

A construtora A2Prado executa e administra obras e projetos de pequeno e grande porte.

Navegue aqui

✔ Início
✔ Engenharia
✔ Arquitectura
✔ Design de Interiores
✔ Portfólio
✔ Blog
✔ Grupo A2 Prado

siga-nos

Morada

Rua Gregório Lopes, 1514 – 2ºPiso
Lisboa – Portugal – 1400-091

w

contactos

+351 21 242 2824

© 2024 Grupo A2 Prado - Todos os direitos reservados.
Política de Privacidade